terça-feira, 17 de julho de 2018

Os cactos também dão flores.

Olá meus amores! Tudo bem com vocês?

Hoje a resenha será do livro " Os cactos também dão flores" dos autores Angelita Borges e Luciano Iepsen. Esse livro foi lançado pela editora Gramatti Produções Literárias e vocês podem comprá-lo clicando aqui. Não deixem de acompanhar as redes sociais da editora que se tornou nossa parceira, ela se encontra no instagram, face e site.


Antes de falarmos na história propriamente dita, vamos falar sobre as características física deste livro e do que ele é. Esse é um eneagrama o qual seria uma figuras geométrica composta por um círculo, um triângulo e uma hexade. Por funcionar como um símbolo processual, pode ser utilizado na compreensão e no estudo de qualquer processo contínuo.



Esse livro é fruto do trabalho conjunto da escritora Angelita Borges e do instrutor e diretor do Instituto Eneagrama. Angelita Borges se encantou quando passou pelo treinamento e então convidou o diretor que atua a 10 anos dentro do Instituto, para escrever um livro no qual o eneagrama fosse apresentado através da ficção. Foram necessárias muitas horas de pesquisa, observação e de entrevista para a construção dos personagens de suas histórias.

Ele é um livro pequeno, são ao total 135 páginas divididas em 9 contos. Conta ainda com várias perguntas para fazer a reflexão sobre os contos de forma que se permita a melhor absorção do conhecimento.

Os contos tratam de diversos assuntos desde superação, amor até confiança si mesmo, porém a forma de escrita é algo bem relevantes pois através da colocação das palavras se tem uma melhor compreensão do ângulo personagem e da sua história. São histórias totalmente diferentes de principalmente não conexas, afinal é normal quando pegamos um livro acreditar que será um script perfeito: início, ápice e fim. Mas esse livro não, cada conto tem sua trajetória completamente diferente e separada do demais contos. Algo bem cativante.

Posso dizer que é um livro para se lê em vários dias embora ele pareça que se deve lê em apenas um pela quantidade de páginas. Sabe quando você precisa de um conselho que servirá para aquele momento? Essa é a ideia.
Bom meus amores, eu espero que vocês tenham gostado desta resenha. Acompanhe nossas redes sociais! Até a próxima!

terça-feira, 10 de julho de 2018

Três Heróis do Décimo Mundo

Olá meus amores, tudo bom com vocês?
Hoje a resenha será sobre o livro "Três Heróis do Décimo Mundo", do autor Jonatas Oliveira. Vocês podem comprar pela Editora Qualis ou então clicando aqui.


Imagine que você se encontre num piscar de olhos um lugar completamente diferente da sua realidade, e neste meio termo você vê preso nesta nova perspectiva. O que você faria? Lucky decidiu lutar.

Antes de entrarmos na história propriamente dita, vamos ver as características físicas deste livro. É um livro de tamanho médio porém com muitos detalhes, o mais me deixou encantada.
São um total de 260 páginas divididas em 33 capítulos incluindo uma lista de magias, explicando cada feitiço e o que  seu poder pode causar e um bestiário de hecatombe, onde o autor descreve como vê as criaturas mágicas chamadas Cryos.





História se passa num universo digital, mundo criado videogame mundialmente famoso, porém a plataforma que leva ao jogo cria o ma
ior acidente de todos, teletransporta os jogadores para o realidade virtual, além dos familiares e todos os que passavam perto no momento, fazendo com que mais de 1 milhão de pessoas desapareçam do mundo.

É assim que conhecemos nosso personagem principal Lucky, mas suas memórias foram apagadas por algum motivo e ele se vê preso neste jogo sem se lembrar ao menos quem ele é. Ele conhece mais adiante, Isaque e Valentina, dois jogadores do jogo que tentam se manter ainda vivos.

Em um mundo que foi totalmente modificado, seres humanos estão agora lutando pela própria vida e os seres que já se encontravam neste mundo tentam a todo custo também se manter vivos. O reino das sombras criados neste vídeo game pode ser tão real quanto poder do amor de uma amizade fiel.

São tantos os percursos travados neste enredo que eu quase fiquei sem fôlego, saber história é tão cativante a ponto de te fazer ser transportada para aquele universo e ficar ali durante todo passar das páginas. Essa história me lembro muito a ideia de animes como por exemplo Sword Art Online, e eu que não tenho uma mente fértil nadinha, já fui imaginando cada cena como um anime.

Bom meus amores eu não posso me aprofundar muito, para não lhes dá spoiler. Só posso dizer que o autor tem um grande talento em cativar com sua história! Essa é a grande magia dos livros! Estás de parabéns Jonatas! A coincidência é que estou me formando em direito.

Eu espero que vocês tenham gostado desta resenha! Não deixem de acompanhar nossas redes sociais e as do autor também. Até a próxima.

terça-feira, 3 de julho de 2018

A paciente Velhinha Alemã

Olá meus amores, tudo bem?

Hoje a resenha será do livro "A Paciente Velhinha Alemã", do autor Antônio E'dme. Vocês podem comprar clicando aqui. As redes sociais do autor se encontram na aba de autores parceiros do blog.

Confesso que quando peguei o livro, não dava nada por ele, porém quando comecei a lê você percebe a enorme riqueza literária que ele traz! Sim, sabe quando o menos é mais? É essa lógica desse livro.



Antes de falarmos na história, propriamente dita, vamos falar sobre as características físicas deste livro. É um pequeno com um total de 154 páginas divididas em 19 capítulos com riqueza de detalhes nas passagens das páginas, e esse último ponto inclui fotos em meio a apresentação dos capítulos.


Bom, neste livro iremos conversar com dois médicos que contam suas experiências no ramo. Martino Carras é o responsável por todo o levar do enredo deste livro o qual é contado de uma forma bem diferente e não muito comum no mundo dos livros, um livro totalmente contado em um diálogo.

Martino, nosso personagem principal, é um amazônida -para quem não sabe é alguém da região norte, precisamente no caso em Manaus-Am- que conta a seu amigo, também médico, sua experiência em um caso muito delicado, onde nós leitores não somos poupados da realidade e nos vemos com os mesmos olhos de um médico a se deparar com um sistema totalmente falho como o nosso sistema público de saúde.


São fatos reais, vividos pelo então autor do livro que também é médico. Escancaradamente este livro nos revela a situação dos estrangeiros na Amazônia e o melhor o tom de mistério te faz devorar o livro! Muito bem feito e escrito, a história tem seus toques de maestria pelo autor.

Muito me encanta saber que na minha região há tantos talentos, além de me deixar orgulhosa de vê minha terrinha Manaus como palco de um livro literário. Mostrar a realidade tem que ter vivido, e com certeza o autor sobre revelar com propriedade.


Meus amores, não deixem de conferir as redes sociais do autor e principalmente de nos seguir nas redes sociais. Espero de coração que vocês tenham gostado desta resenha! Até a próxima!

sábado, 30 de junho de 2018

Especial conhecendo a Biblioteca Rio Amazonas

Olá meus amores, tudo bom com vocês?

Hoje o post especial é sobre a biblioteca Rio Amazonas, ela fica localizada aqui em Manaus, precisamente no prédio da Justiça Federal de 1º Grau e por coincidência a descobrir. Muitos de vocês sabem que eu sou acadêmica de direito, como boa acadêmica que sou, vivo em bibliotecas.


Eu tinha que fazer conhecimento de área na justiça federal e eu não tinha atentado para o nome da biblioteca. Eu também sou mega curiosa, E aí entrei na porta quando eu olhei e vi que era uma mega biblioteca tive um pequeno surto né?! 



A biblioteca é enorme com livros de todos os tamanhos e de todos os tipo!
Há livros de muitas áreas do meu curso, gosto muito de conhecer novas histórias e o que mais me chamou a atenção foi os periódicos de leis da época colonial! Arquivos históricos!


Fisicamente falando biblioteca conta com muitas prateleiras estantes todas divididas em sessões de áreas do conhecimento do curso de Direito, temas artigos Direito Penal, Direito Civil, Direito do  Trabalho e assim por diante.


Eu amo descobrir novos lugares e não podia deixar de compartilhar com vocês,  mesmo que seja neste posto é bem rapidinho este novo lugar! #desbravando

quarta-feira, 27 de junho de 2018

Novos Títulos para Leitura VIII

Olá meus amores! Tudo bem com vocês?

Quem me acompanha no Instagram viu que nessa semana postei o top 10 gênero fantasia. Tenho percebido que eu tenho muitos livros desse gênero na minha estante, porém eu tinha que decidir quais eram os 10 melhores não é verdade?  e por isso o quadro de hoje "novos títulos para leitura"  vai ser sobre esse gênero. Vamos lá?

Fantasia é uma espécie de ficção em que se usa geralmente fenômenos sobrenaturais, mágicos e outros como um elemento primário do enredo, tema ou configuração. Muitas obras dentro do gênero ocorrem em mundos imaginários onde há criaturas mágicas e itens mágicos.


Bom eu tive muito trabalho para conseguir hierarquizar os livros, e por esse motivo por questões de milésimos de números em nota foi que eu consegui distinguir cada posição. Começaremos de baixo para cima.

10. Jardim dos famintos - Adams Pinto


Esse é um livro complexo. Um universo muito bem escrito e uma história de tirar o fôlego! Além de ser um livro totalmente intenso, há muitas descobertas para o leitor com lutas incríveis, personagens fortes, momentos chocantes e sem pontos baixos.

9. Selene e o dragão: A última lua - Marília Barbosa


Iremos conhecer um universo em meio a guerra entre humanos e dragões - isso mesmo, Dragões, essas criaturas místicas que voam e cospem fogo pela boca (hahaha) - porém também iremos embarcar em conflitos internos e um romance puro.

8. Conto de Dragões - Fabi Zambelli


Que tal embarcamos em um mundo onde dragões existem? Afinal até onde sua imaginação é capaz de ir? E se existisse um outro planeta onde as criaturas que voam são dragões? Foi assim repleta de dúvidas que eu conheci o livro "Contos de Dragões", da autora Fabi Zambelli. aqui iremos conhecer o universo de Mariane, uma jovem  universitária que até então tem uma vida normal, porém aos pouco ela vê sua pacata rotina se tranformar em um turbilhão radical. Sonhos, são os sonhos que mexem com ela de tal forma que não demora muitas linhas para se tornar realidade: telefonemas surgem e uma estranha visita de um homem incrivelmente lindo - quem não queria receber uma visita dessas hein? Agora vocês terminam a história.

7. Mitorégia: O mistério do unicórnio - Rodrigo Rodrick


Inicialmente, eu fiquei bastante confusa pois você de cara encontra vários personagens e, apenas no decorrer dos capítulos é que vamos compreendendo onde é cada lugar. Reinos, império, magia e mitologia são os pontos principais deste livro. Tudo começa com uma previsão do mago  Abeo Moldrus que vê a volta do feiticeiro malvado Hyrobe, este que sempre assolou a terra de Mitorégia com trevas e destruição quando dominava esta outrora citada. Porém, além de prevê a volta do feiticeiro ele também vê a volta do cavaleiro alado, o qual sempre resurge quando sua terra é ameaçada. Sua visão é espalhada por todos os reinos, embora tenha sido apenas dita ao Rei Azul.

6. A caçada de Goya - Karinna Pimenta


Tudo começa com um sonho, nossa heroína Gaia, se vê em um mundo totalmente diferente ao qual ela vivia. Dias e dias sonhando sempre com a mesma coisa, traz tormento e confusão para nossa pré-adolescente que até então vivia com sua mãe confortavelmente em Minas. Saindo de sua vida tranquila, Gaia é jogada em uma realidade totalmente diferente a qual estava acostumada; o monstro que lhe atormentava agora era real e tinha uma fisionomia, mesmo que disforme e destruída. Ela estava diante de um Leão Negro, O Thórum.

5. As Crônicas do Planeta Alma - Jairo Azevedo


A história se passa no Planeta Alma, onde todos são imortais e vivem em vários lugares do Reino neste Planeta. Dentre estes Reinos estão o do País da Bondade, do País da Maldade e reino do Continente dos Conhecimentos. O País da Bondade é liderado pelo Rei Ignis e pela Rainha Ananda, os dois possuem vários filhos que não foram gerados por eles. Os filhos são gerados pela Deusa Sasvatã, a criadora do Planeta Alma, por isso eles já nascem adultos e são enviados pelos reis até a Rainha Sofia, do Continente dos Conhecimentos, para receberem os ensinamentos necessários à respeito do planeta.

4. Lowdrick - Carolina Shober


Nós iremos conhecer muitos persongens e descobrir em primeira mão a maestria da autora ao mesmo tempo. Uma escrita boa, como eu sempre digo, leva a uma história com um bom gosto.  Vocês sabem que eu não sou daquelas que é conquistada facilmente, até mesmo a Rainha do Crime já teve suas críticas aqui mas eu devo bater palmas para a autora do trilogia por saber trazer um livro gostoso de se lê, envolvente, criativo, e com uma história que não é cansativa.

3.Gaian: O reinício - Cláudio Almeida


Confesso que o que mais me chamou a atenção nesse livro foi a maestria do autor de mudar o rumo da história que não conseguimos pensar como ele fez isso. Ah e claro esses nomes esquisitos, quando eu li Erion pela primeira vez achei que fosse um homem hahaha. Um livro eletrizantes, tirando os primeiros capítulos que são bem longos e um pouco sem ação ao meu vê, o restante do livro tira o fôlego. Magia, profecias, seres místicos, guerra cenário ideal para uma boa história. LIVRO DE AÇÃO MAGNÍFICO.

2. Segredos do Reino - Lucas Hargreaves


Podemos classificar este livro como intrigante. Sim, pois ele nos revela as duas faces de uma só pessoa. Em um reino chamado Merquillan, conhecemos o rei Cláudio e seus três filhos: Clades, Clio e Clausius. Nesse momento a descrição da genealogia de cada um. A narrativa deste livro é suspendente, NÃO É CANSATIVA. Sério meu coração vai explodir de alegria. Os capítulos são ricos em detalhes cuja eficácia é esplêndida, nos faz viajar pelos campos de batalha e fuga, sem contar que os personagens parecem tão reais! INCRÍVEL!

1. Três Heróis do Décimo Mundo - Jonata Fraga de Oliveira


Com relação a esse título eu ainda estou lendo, mas só por onde eu já li o considera melhor. Sim porque ele faz com que a nossa imaginação consiga chegar ao ápice e você se vê preso a cada página do livro de forma que você consegue imaginar cada centímetro daquele lugar. Bom, não posso dar muito spoiler porque esse livro terá resenha aqui no blog,  mas eu já deixo aqui uma perguntinha para vocês: o que você faria se você fosse transportado para dentro do videogame preferido que você jogava e saiba como voltar ao mundo real?

E então gostou dos livros indicados? Os autores e suas redes sociais estão na aba autores parceiros do blog, ou no insta do blog @eurekamundo. Divirtam -se! Até a próxima!

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Autora Anna Rosenrot

Olá meus amores! Quanto tempo hein?!
Hoje o quadro entrevistando autores, vamos entrevistar a autora Anna Rosenrot que possui o livro " Violeta Profundo e outros contos". Você pode adquiri-lo clicando aqui. 


Ana Beatriz, ou mais conhecida como Ana Rosenrot, é filha de Célia e Francisco nascida em Fortaleza, Ceará. Construiu sua carreira literária recentemente e vem buscando aprimorá-la desde então. Inspirada do suspense realístico do cotidiano, decidiu escrever este livro com o objetivo de compartilhar seus mais profundos anseios, utilizando-se de metáforas plurissignificativas a esboçar críticas quanto à existência.

1. Qual é a inspiração para escrever o seu livro?

R.: O horror do cotidiano, a desgraça que todos se negam a enxergar.

2. Como você começou a escrever?

R.: Eu era bem criança, tinha cerca de 8 anos, e gostava muito de Ciências. Surgiu então, a ideia de escrever um livro sobre Galileo Galilei e seus feitos, porém o projeto não foi consumado. Apesar disto, em mim foi acesa a fagulha da escrita.

3. Quais são os seus hobbies?

R.: Escrever, ouvir música, cantar e desenhar.

4. Como você se vê como pessoa?

R.: Me vejo fechada, perfeccionista, pedante, exigente, estranha, de péssimas habilidades sociais e empática.

5. Quais são as suas influências literárias?

R.: Sou apegada a todos os escritores e permito que todos me influenciem de algum modo, mas se for para citar alguém, com certeza será Edgar Allan Poe. Ah, e um Neil Gaiman não pode faltar também, né?

6. Em uma narrativa, qual pessoa você prefere primeira ou terceira?

R.: Primeira. Emoções cruas são as mais incríveis.

7. Quais foram os livros que marcaram a sua vida?

R.: “Os 100 Maiores Mistérios Do Mundo”; “A Menina Que Roubava Livros” e “O Morro Dos Ventos Uivantes”.

8. O que você faz nas horas vagas?

R.: Canto, medito e amo.

9. Possui outras obras?

R.: Sim, porém não publicadas ainda.

10. Os personagens que você escreve são inspirados em pessoas reais?

R.: Sim, indubitavelmente.

11. Suas histórias são inspiradas em algo real?

R.: Sim!

12. Como você vê seu livro?

R.:Como um livro bastante cru e súbito e que leva à muita reflexão, embora peque na acessibilidade.

Espaço Bônus – Recado Para Os Fãs:

R.: Aprecio cada um de vocês. Tenho minhas dificuldades presenciais, mas guardo todos em meu coração. Vocês me dão força. Amo muito fazer arte por quem me lê.

Então meus amores, a autora é curta e objetiva! Gostei de saber um pouquinho mais da trajetória da autora e já adianto que o livro dela já foi resenhado aqui pelo Blog, você pode visualizar a resenha clicando na aba resenhas e procurando pelo nome do livro. Espero de coração que vocês tenham gostado! Até a próxima. 

terça-feira, 12 de junho de 2018

Uma rainha relutante

Olá meus amores! Tudo bem?

Hoje, dia 12 de junho, dia dos namorados nada melhor do que trazer uma resenha sobre romance não é? E que tal se esse romance foi real e ainda por cima salvou um povo da sentença de morte?! Sim estamos falando da releitura da história de Ester, história é essa que é relatada no livro que leva o nome da personagem da Bíblia e que a editora parceira do blog BV Books me deu o prazer de poder ler uma obra tão fantástica quanto essa. Estou falando do livro "uma rainha relutante" do autor Joan Wolf.



Antes de mais nada quero dizer que este livro é simples. Mas simples não no sentido de dizer que falta algo, mas sim no sentido de dizer que ele é simples porém totalmente completo. A simplicidade e leveza desse livro faz com que nós possamos adentrar as ruas de Susã e podemos sentir a cada página lida as emoções de cada personagem.



As características físicas deste livro são bem peculiares, algo típico da forma de formatação da editora BV books. O primeiro ponto a ilustração da capa que sempre vem acompanhado da personagem principal e essa capa ou pelo menos a personagem ela é refletida na lombada do livro,  o que fica incrível na estante. Outro ponto que explica bem a característica física do livro é a falta do dálogo convencional - como assim Amanda? Pelos meus mais de 40 autores parceiros podia aprender algumas coisas e uma delas é a forma como se escreve um diálogo que é característico próprio por um travessão, detalhe esse que a BV books substitui por entre aspas o que faz a leitura flui bem mais rápido.



Esse livro é dividido em 32 capítulos com um total de 290 páginas, um guia para leitura em grupo, notas de agradecimento e notas da autora.

Entrando na história nós iremos ter dois personagens principais, o nosso casal: Ester e o Rei Assuero. Ester é uma jovem judia, com traços persa, criada pelo seu tio Mordecai. O grande dilema da história é que o tio de Ester descobre que o Rei Assuero era aconselhado o homem chamado Hamã. Ele também descobriu que o rei iria tentar destruir o povo judeu que vivia na Persia, através dos conselhos de Hamã.



Através de um sonho Mordecai acredita que sua sobrinha foi escolhida por Deus para salvar o seu povo da morte. E juntamente com os superiores da Sinagoga dos Hebreus, apresenta uma ester o plano de fazer lá candidata no concurso em que o rei escolheria sua nova rainha. Muito relutante com essa ideia que triste, Ester acaba aceitando, acreditando que não passaria nem da porta do Palácio. Porém o inesperado acontece, e os planos de Ester vão por água abaixo pois o próprio rei a escolhe.



O romance forte e Avassalador, neste livro conhecemos a história bíblica de Ester por em uma visão romântica. Conhecermos as dores, as lutas e,  principalmente, a fé de Ester e de todo o seu povo, que incansavelmente deposita toda sua fé no único Deus vivo.

Meus amores, se vocês ficaram curiosos e querem conhecer mais sobre esse livro pode adquiri-lo clicando aqui, ou entrando no site oficial da editora clicando aqui. Eu super recomendo esse livro à todas as meninas que acreditam que não são capazes, independentemente de qual seja sua função nesta terra:  Deus não chama os capacitados mas ele capacita Os escolhidos. Espero que vocês tenham gostado dessa resenha e não deixe de seguir a editora e eu blog nas suas redes sociais. Até a próxima!