Três Heróis do Décimo Mundo

Olá meus amores, tudo bom com vocês?

Hoje a resenha será sobre o livro "Três Heróis do Décimo Mundo", do autor Jonatas Oliveira. Vocês podem comprar pela Editora Qualis ou então clicando aqui. Lembrando que as redes sociais do autor se encontram na aba de autores parceiros aqui do Blog, para acessar clique no menu do blog.  


Imagine que você se encontre num piscar de olhos um lugar completamente diferente da sua realidade, e neste meio termo você vê preso nesta nova perspectiva. O que você faria? Lucky decidiu lutar.

Antes de entrarmos na história propriamente dita, vamos ver as características físicas deste livro. É um livro de tamanho médio porém com muitos detalhes, o mais me deixou encantada. São um total de 260 páginas divididas em 33 capítulos incluindo uma lista de magias, explicando cada feitiço e o que  seu poder pode causar e um bestiário de hecatombe, onde o autor descreve como vê as criaturas mágicas chamadas Cryos.




A História se passa num universo digital, mundo criado videogame mundialmente famoso, porém a plataforma que leva ao jogo cria o ma
ior acidente de todos, teletransporta os jogadores para o realidade virtual, além dos familiares e todos os que passavam perto no momento, fazendo com que mais de 1 milhão de pessoas desapareçam do mundo.

É assim que conhecemos nosso personagem principal Lucky, mas suas memórias foram apagadas por algum motivo e ele se vê preso neste jogo sem se lembrar ao menos quem ele é. Ele conhece mais adiante, Isaque e Valentina, dois jogadores do jogo que tentam se manter ainda vivos.

Em um mundo que foi totalmente modificado, seres humanos estão agora lutando pela própria vida e os seres que já se encontravam neste mundo tentam a todo custo também se manter vivos. O reino das sombras criados neste vídeo game pode ser tão real quanto poder do amor de uma amizade fiel.

São tantos os percursos travados neste enredo que eu quase fiquei sem fôlego, saber história é tão cativante a ponto de te fazer ser transportada para aquele universo e ficar ali durante todo passar das páginas. Essa história me lembro muito a ideia de animes como por exemplo Sword Art Online, e eu que não tenho uma mente fértil nadinha, já fui imaginando cada cena como um anime.

Bom meus amores eu não posso me aprofundar muito, para não lhes dá spoiler. Só posso dizer que o autor tem um grande talento em cativar com sua história! Essa é a grande magia dos livros! Estás de parabéns Jonatas! A coincidência é que estou me formando em direito.

Eu espero que vocês tenham gostado desta resenha! Não deixem de acompanhar nossas redes sociais e as do autor também. Até a próxima.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Autor Pedro Vale

Autor Rafael Silva

Autor Rafael Dias